A Bíblia é o plano de amor salvífico.

E Deus viu que tudo era bom”, Gn 1,31

Toda a CRIAÇÃO é obra do grande AMOR de DEUS. 

Por sua inteligência, o homem pode, raciocinando, chegar a certeza de que DEUS EXISTE, DEUS é BELO, é INTELIGENTE, é BOM.

Mas, o homem só pode saber:

  • COMO DEUS É.
  • O QUE DEUS QUER DE NÓS, se DEUS SE RE­VELAR – Ef 1,9: “Ele nos manifestou o misterioso desígnio de sua vontade, que em sua benevolência formara desde sempre”.

 

E DEUS SE REVELOU:

1Muitas vezes e de diversos modos outrora falou Deus aos nossos pais pelos profetas. 2Ultimamente nos falou por seu Filho, que constituiu herdeiro universal, pelo qual criou todas as coisas. 3Esplendor da glória (de Deus) e imagem do seu ser, sustenta o universo com o poder da sua palavra. Depois de ter realizado a purificação dos pecados, está sentado à direita da Majestade no mais alto dos céus, 4tão superior aos anjos quanto excede o deles o nome que herdou. 5Pois a quem dentre os anjos disse Deus alguma vez: Tu és meu Filho; eu hoje te gerei (Sl 2,7)? Ou então: Eu serei seu Pai e ele será meu Filho (II Sm 7,14)? (Hb 1,1-5)

A REVELAÇÃO de DEUS, a princípio, foi transmitida ORALMENTE era a TRADIÇÃO, passada de geração em geração.

Ainda hoje, lendo o Antigo Testamento, vemos que a palavra de ordem é: OUVE, ISRAEL! Durante a caminhada no deserto, por quarenta anos, Moisés recebe ordem de DEUS para escrever (cf. Ex 17,14; 24,3-8; 34,28; Nm 33,2) e posteriormente, surge entre os sacerdotes e escribas a INSPIRAÇÃO para escreverem o que DEUS revelara aos Patriarcas e Profetas.

O Objeto da REVELAÇÃO é o PLANO DO AMOR DE DEUS, que se realiza em CRISTO, por CRISTO e com CRISTO, no AMOR, do ESPÍRITO SANTO.

A Revelação de Deus se dá através:

  • Tradição (Evangelização oral);
  • Sagrada Escritura (Evangelização escri­ta);
  • Magistério (interpretação).

 

A ALIANÇA NO PARAÍSO: PACTUADA E VIOLADA.

DEUS tudo cria por AMOR, com AMOR, no AMOR e para o AMOR.

DEUS faz um pacto com Adão e Eva: “CRESCEI e MULTIPLICAI-VOS e DOMINAI a terra, obedecendo a minha PALAVRA” (Gn 1,28ss; 3,1ss)

Adão e Eva, aceitam o domínio sobre o macro e micro Universo mas orgulhosos, querem submeter a Criação sem ouvir o CRIADOR, querem “ser como DEUS”, vale dizer, querem dar destino a todos os seres criados, sem atenderem à VONTADE de DEUS.

Esta falta de Adão e Eva é o PECADO na origem ou PECADO ORIGINAL. Estava assim, violada a ALIANÇA do PARAÍSO. Nós todos somos vítimas do Pecado Original. Este Pecado de Orgulho por Adão e Eva trouxe conseqüências:

  1. Homicídio: Tirar a vida de outros homens. Só DEUS é o SENHOR da VIDA.
  2. Corrupção: Perverter o uso das criaturas, quer humanas ou não.
  3. Soberba: julgar-se superior o que leva à discórdia, à divisão. 

Fonte: Anotações das aulas de Sagrada Escritura da Escola Mater Ecclesiae – Núcleo Glória, Profª Herenice Auler, Rio de Janeiro, RJ, 1995