Graça: Acreditar que a cura total vem de Deus, não adianta ficar confiando no homem.

Jo 4,43-54

43Passados os dois dias, Jesus partiu para a Galiléia. 44(Ele mesmo havia declarado que um profeta não é honrado na sua pátria.) 45Chegando à Galiléia, acolheram-no os galileus, porque tinham visto tudo o que fizera durante a festa em Jerusalém; pois também eles tinham ido à festa. 46Ele voltou, pois, a Caná da Galiléia, onde transformara água em vinho. Havia então em Cafarnaum um oficial do rei, cujo filho estava doente. 47Ao ouvir que Jesus vinha da Judéia para a Galiléia, foi a ele e rogou-lhe que descesse e curasse seu filho, que estava prestes a morrer. 48Disse-lhe Jesus: Se não virdes milagres e prodígios, não credes… 49Pediu-lhe o oficial: Senhor, desce antes que meu filho morra! 50Vai, disse-lhe Jesus, o teu filho está passando bem! O homem acreditou na palavra de Jesus e partiu. 51Enquanto ia descendo, os criados vieram-lhe ao encontro e lhe disseram: Teu filho está passando bem. 52Indagou então deles a hora em que se sentira melhor. Responderam-lhe: Ontem à sétima hora a febre o deixou. 53Reconheceu o pai ser a mesma hora em que Jesus dissera: Teu filho está passando bem. E creu tanto ele como toda a sua casa. 54Esse foi o segundo milagre que Jesus fez, depois de voltar da Judéia para a Galiléia.

47… e rogou-lhe que descesse e curasse seu filho, que estava prestes a morrer.

A solução que não tenho, que ninguém tem, Deus tem, foi o que recentemente falei a um colega de trabalho, preocupado com a doença do câncer. Pedi que procurasse a Deus e ficasse uma hora em conversa, pois ele é de outra religião. Há momentos, como este do Oficial, que indaga de Jesus, pois ele tem fé que seu filho pode ser curado e nem precisa que Jesus esteja perto. Basta uma Palavra!

Também nós, nesta quaresma, precisamos nos abrir a esta Palavre, acreditando que Deus pode fazer um milagre, nos transformando e nos retirando das securas da vida, para ir passando com facilidade pelas agruras da vida, que não tem sido fácil, devido a estar com sogro e sogra aqui em casa. Mas, temos sido valentes e suportando tudo.

49Pediu-lhe o oficial: Senhor, desce antes que meu filho morra!

A insistência nos pedidos a Deus, pois sabemos que a solução de cura virá por Ele. Então precisamos insistir sempre, mas para que haja esta insistência, há que ter mudança interior de quem faz a súplica, há que haver comprometimento, sinceridade. E foi isto que Jesus, viu neste Oficial e bastou uma Palavra e curou o seu filho. Pedimos muito, insistimos muito, mas não queremos sair de nossos confortos, de nossas mudanças. Devemos sim ser menos egoístas e em tudo fazer e crer na vontade de Deus, que sempre é diferente da nossa.

50Vai, disse-lhe Jesus, o teu filho está passando bem!

Basta uma Palavra! Assim, que o Oficial escutou foi correndo e antes que chegasse, seus subordinados já o informavam da cura. O que acontece depois. Será uma conversão ou o Oficial continuará levando a vida egoisticamente. Acredito, que houve uma conversão total deste Oficial. O filho dele, agora curado, deve ter crescido em sabedoria e graça e o amor reinou naquela casa. Tudo por causa de uma Palavra. Precisamos ter mais fé. Creio Senhor, mas aumentai a nossa fé!