Graça: da mudança de vida, da opção por Jesus.

1Depois disso, houve uma festa dos judeus, e Jesus subiu a Jerusalém. 2Há em Jerusalém, junto à porta das Ovelhas, um tanque, chamado em hebraico Betesda, que tem cinco pórticos. 3Nestes pórticos jazia um grande número de enfermos, de cegos, de coxos e de paralíticos, que esperavam o movimento da água. 4[Pois de tempos em tempos um anjo do Senhor descia ao tanque e a água se punha em movimento. E o primeiro que entrasse no tanque, depois da agitação da água, ficava curado de qualquer doença que tivesse.] 5Estava ali um homem enfermo havia trinta e oito anos. 6Vendo-o deitado e sabendo que já havia muito tempo que estava enfermo, perguntou-lhe Jesus: Queres ficar curado? 7O enfermo respondeu-lhe: Senhor, não tenho ninguém que me ponha no tanque, quando a água é agitada; enquanto vou, já outro desceu antes de mim. 8Ordenou-lhe Jesus: Levanta-te, toma o teu leito e anda. 9No mesmo instante, aquele homem ficou curado, tomou o seu leito e foi andando. Ora, aquele dia era sábado. 10E os judeus diziam ao homem curado: E sábado, não te é permitido carregar o teu leito. 11Respondeu-lhes ele: Aquele que me curou disse: Toma o teu leito e anda. 12Perguntaram-lhe eles: Quem é o homem que te disse: Toma o teu leito e anda? 13O que havia sido curado, porém, não sabia quem era, porque Jesus se havia retirado da multidão que estava naquele lugar. 14Mais tarde, Jesus o achou no templo e lhe disse: Eis que ficaste são; já não peques, para não te acontecer coisa pior. 15Aquele homem foi então contar aos judeus que fora Jesus quem o havia curado. 16Por esse motivo, os judeus perseguiam Jesus, porque fazia esses milagres no dia de sábado.

6Vendo-o deitado e sabendo que já havia muito tempo que estava enfermo, perguntou-lhe Jesus: Queres ficar curado?

A cura do enfermo passa pela vontade deste em querer estar são. A graça vem de Deus, através da força do Espírito que está em Jesus, o enfermo em contato com Jesus, se alegra, pois Ele é fonte do bem, do amor. Sofrendo já por um bom tempo, o enfermo acolhe a Palavra de Jesus que se dirige a ele: Queres ficar curado? – Era o que mais queria… Da mesma sorte vivemos nós. Nesta quaresma, estamos em Betesda, doentes, com nossos pecados, esperando que Jesus fale conosco. Você quer ser curado? – Precisamos da mesma vontade do enfermo em querer levantar, em querer andar, em querer mudar o rumo de nossa vida, por menor que sejam nossos pecados, precisamos ter atitude diante deste tempo, que é o chamado de Jesus em nosso coração.

8Ordenou-lhe Jesus: Levanta-te, toma o teu leito e anda.

Ao sinal de Jesus, o homem enfermo, simplesmente obedece, será que agimos da mesma forma, quando recebemos o mesmo convite. Olhamos a volta e vemos uma sociedade doente, com políticos corruptos, passando exemplos não condizentes ao bem estar da sociedade. Há muita miséria, muita diferença social, pois, enquanto uns roubam para mostrar poder, status, outros, lutam para sobreviver. Ambos precisam olhar a Jesus e acreditar que podem andar, que podem mudar. Este é o grande trabalho que precisamos ter para mudar os corações, de uns e de outros.

9… Ora, aquele dia era sábado.  

Para o necessitado não há dia, não há hora. Há que ter compaixão. Jesus, conhece a Lei, mas a justiça vem em primeiro lugar e Ele vai ao encontro do necessitado. Ontem estive no Hospital, visitando o presidente da Federação de Nova Iguaçu e lamentavelmente, continua seu sofrimento, continua sua luta, por mais de quatro meses, internado, com perda de massa encefálica, longe da família, amigos, de sua casa. Há que ter muita graça de Deus, para que seja curado. Vale a visita, para vermos que não somos nada, o tempo exige mudança de comportamento. Sei que nada posso fazer por ele, mas aquela oração da Ave Maria, de mãos dadas com o enfermo, foi acalentador para ele e também para mim, unidos em oração, na amizade, saúde com doença, na graça de Deus.

14… Eis que ficaste são; já não peques, para não te acontecer coisa pior.

A quaresma, nos anima, nos impulsiona à contemplação das leituras e precisamos realmente optar pela mudança, sair do pecado em que estamos e partir para uma nova vida, buscando paz, agindo com sabedoria e partilhando com os amigos esta Boa Nova. Jesus, orienta, se está são, porque voltas ao pecado, porque voltas as mesmas pessoas que são para você ocasião de pecado. O tempo da quaresma é de conversão, precisamos continuar orando para que a graça recebida, não se apague com o tempo.