2) Que vem a ser protoevangelho?

R: Depois do pecado dos primeiros pais (Adão e Eva), Deus não os quis abandonar, e faz uma promessa de restauração da aliança violada. Anuncia aos dois, de forma distinta: a vitória do Salvador sobre o tentador e o pecado, conforme:

Gn 3,15: “Porei inimizade entre ti e a mulher,
entre tua descendência e a descendência dela:

esta te ferirá a cabeça

e tu lhe ferirás o calcanhar”.

Este versículo presta-se a mais de uma interpretação:

1) O verbo é o mesmo, traduzido do hebraico, na Bíblia de Aparecida, por ferirá e ferirás. Embora tanto a descendência da mulher quanto a serpente, venham a ferir (atacar) o adversário respectivo, há superioridade para aquela, pois ferir a cabeça é mais grave do que ferir o calcanhar.

2) O sujeito que fere a cabeça da serpente, conforme o original hebraico, não é feminino, mas masculino: esta [Heb. = ele]. Isto quer dizer que não foi a mulher, mas o rebento da mulher vencerá a serpente.

Referência Bibliográfica:

  • Bettencourt, E.T. Curso de Mariologia. Escola Mater Ecclesiae, Rio de Janeiro/RJ, 1997